Magic Eden passou Blur como líder em mercado NFT em março, segundo a CoinGecko


Magic Eden, um mercado de tokens não fungíveis (NFT) baseado em Solana, registrou seu maior volume de negociação mensal em março, superando o líder do setor Blur.

Seu volume de negociação de NFT aumentou 194,4% em março para US$756,5 milhões, enquanto Blur aumentou marginalmente para US$530,4 milhões, segundo o relatório do primeiro trimestre de 2024 da CoinGecko, publicado em 17 de abril.

A CoinGecko afirmou que a ascensão do Magic Eden se deveu em parte ao seu novo programa de recompensas Diamond e à sua contínua parceria com a Yuga Labs — em um momento em que o estúdio de NFT rompeu laços com mercados de NFT que não apoiavam royalties de criadores.

Isso marcou o sexto mês consecutivo que o Magic Eden aumentou seu volume de negociação.

Mercados de NFT por volume de negociação desde outubro de 2023. Fonte: CoinGecko

Março marcou o primeiro mês em que Blur foi superado como o mercado de NFT líder em volume de negociação desde que o mercado de NFT da OKX capitalizou a loucura dos Ordinais do Bitcoin em dezembro passado. Antes disso, Blur liderou os volumes de negociação por 10 meses consecutivos depois de superar a OpenSea em fevereiro de 2023.

Entretanto, a OKX perdeu uma grande parte do volume de negociação de NFTs de Bitcoin desde então para lugares como Magic Eden e UniSat, e como resultado, seu volume de negociação caiu 73,3% desde dezembro para US$180 milhões.

Apesar disso, a OKX ainda conseguiu obter o terceiro maior volume de negociação de NFT no primeiro trimestre de 2024, com Tensor baseado em Solana e OpenSea completando os cinco primeiros.

Enquanto isso, os volumes de negociação de NFT nos 10 principais mercados totalizaram US$4,7 bilhões no primeiro trimestre de 2024 — um aumento de 51,6% em relação ao quarto trimestre de 2023.

Apesar do aumento, os preços de base dos principais colecionáveis NFT como Bored Ape Yacht Clubs e CryptoPunks despencaram mais de 91% e 64%, respectivamente, desde que alcançaram picos em maio de 2022 e outubro de 2021.

A aplicação de royalties de criadores tem sido uma questão importante entre mercados de NFT e estúdios recentemente.

O OpenSea, anteriormente o principal mercado de NFT, encerrou controversamente sua ferramenta de execução de royalties on-chain em agosto passado. Seu CEO, Devin Finzer, disse que a ferramenta não teve o sucesso esperado e afirmou que seus concorrentes, como Blur, Dew e LooksRare, estavam contornando-a ao integrar o Protocolo Seaport para evitar a lista negra do OpenSea e, assim, fugir das taxas de criador.

Mas o OpenSea recuou parcialmente dessa posição no início deste mês, habilitando suporte para um padrão de ganhos programáveis ERC-721C.





LEIA MATÉRIA ORIGINAL