Analista indica 5 criptomoedas que podem subir mais de 200% com listagem na Binance, uma delas já registra alta de 225.907%


A tentativa dos touros de Bitcoin (BTC) em manter a alta de preços acompanhou o aumento na procura por ETFs spot de Bitcoin no começo da semana. Mas apesar de ter registrado um saldo positivo na segunda, 25, os US$ 15 milhões ainda são um volume bem pequeno se comparado com as negociações vistas no começo de março.

“Com pouco dados econômicos relevantes lá fora, isso faz com que a gente volte o olhar para o comportamento dos investidores dentro da rede. E essa recente correção de preços parece que serviu muito bem para que as baleias comprassem a queda. Reflexo disso é que existem muito mais dessas big wallets hoje do que no início do ano”, destaca Beto Fernandes, analista da Foxbit.

Segundo ele, aliado a este comportamento, o envio de BTCs às exchanges também está cada vez menor. Assim, ele aponta que o processo de acumulação da criptomoeda está se intensificando, conforme o halving se aproxima.

“De certa forma, isso alimenta a narrativa de otimismo para o desempenho do Bitcoin no médio prazo”, apontou.

Já analistas da Glassnode observam que o grupo de detentores de longo prazo do BTC está aumentando a pressão de distribuição global. Isso se deve ao aumento dos lucros realizados, registrando mais de US$ 2,6 bilhões por dia em lucros realizados enquanto aproveitam os ganhos obtidos.

“A pressão de distribuição ocorre quando os detentores de tokens exercem pressão de venda sobre o ativo. Isso pode levar a movimentos de preços para baixo, coincidindo com um aumento nos lucros realizados, o que significa que há um número maior de detentores de Bitcoin que podem vender suas moedas com lucro em comparação com quando as adquiriram”, apontaram.

Por outro lado, o analista @CryptoCapo_ observa que há uma zona de liquidez significativa no mercado de BTC, estendendo-se entre US$ 74.000 e US$ 75.000. Dentro desta faixa de preço, há compradores e vendedores suficientes que poderiam facilitar negociações rápidas e eficientes sem causar movimentos de preços drásticos.

“Quanto à perspectiva do preço do Bitcoin, se o preço conseguir fechar acima do limite de US$ 69.000, poderá continuar em alta para recuperar o pico de US$ 73.777. Uma vez ultrapassada a máxima histórica de US$ 73.777, isso poderá abrir caminho para uma incursão na zona de liquidez acima de US$ 74.000”, afimra.

O analista observa que o indicador de Convergência e Divergência de Médias Móveis (MACD), mantendo-se acima da linha de sinal laranja, é um sinal de alta, indicando que o mercado ainda está otimista. No entanto, o potencial de alta imediato para o preço do Bitcoin é ameaçado, pois o Índice de Força Relativa (RSI) não mostra uma queda na pressão de compra. Se o RSI cruzar abaixo da faixa amarela de sua linha de sinal, a tendência de baixa poderá se solidificar.

“Isso poderá enviar o preço do BTC abaixo de US$ 69.000, ou empurrá-lo de volta para a faixa de US$ 62.000, com suporte provável em US$ 61.701. Em um cenário mais pessimista, o preço do Bitcoin poderá cair para a zona de liquidez abaixo do suporte de US$ 59.224”, disse.

Além do RSI, segundo ele, os histogramas do Oscilador Incrível (AO) exibem barras de histograma vermelhas, sugerindo um sentimento bearish crescente. Com isso, os analistas preveem ações de preço negativas.

“À medida que o impulso dos compradores contrária a pressão de venda, o equilíbrio entre garantir lucros e garantir a sustentabilidade a longo prazo se torna aparente”, finaliza.

5 criptomoedas que podem subir mais de 200%

Enquanto analistas debatem sobre os suportes e resistências referente ao preço do Bitcoin, o analista Mike Ermolaev, destacou cinco criptomoedas que ainda não estão listadas na Binance e que podem apresentar um aumento expressivo de até 200% com uma possível listagem na exchange.

Atualmente a Binance está com um sistema de votação para listagem destes projetos em sua plataforma de futuros. A votação é conduzida pela comunidade e não ha limites de participação. Portanto, a criptomoeda com a comunidade ‘mais forte’ tem chances de ser listada ainda este mês na exchange. Confira.

Listagem na Binance

1. Choise.com (CHO):

Choise.com é o produto que integra um ecossistema que já está há sete anos no mercado cripto. Com uma alta de 320% em 2 meses, está listada em exchanges como Gate.io e MEX.

A moeda, que historicamente demonstrou uma baixa correlação com as quedas do Bitcoin, sugere um potencial de crescimento significativo com sua recente atualização na tokenomics e planos de expandir sua utilidade para o segmento B2B.

2. Delysium (AGI):

Delysium é uma sociedade virtual alimentada por inteligência artificial (IA) no mundo do Web 3. O projeto visa criar um mundo virtual baseado em blockchain que acomoda 1 bilhão de indivíduos e 100 bilhões de Seres Virtuais de IA.

Atualmente listada em exchanges como Gate.io, Bybit e CoinEx, Delysium está construindo uma sociedade virtual alimentada por IA que permite que humanos coexistam com Seres Virtuais de IA. Esses seres virtuais podem assumir diversas formas, desde réplicas digitais de nós mesmos até companheiros e personagens não jogáveis (NPCs) que percorrem uma variedade de cenários.

3. APX (APX):

APX é a principal exchange descentralizada para derivativos cripto na BNB Chain. Oferecendo tanto livro de ordens quanto perpétuos on-chain, APX capacita traders e stakers com oportunidades incomparáveis.

Atualmente listada em exchanges como Gate.io e Poloniex, APX é um projeto investido pela Binance Labs, oferecendo alavancagem de até 1001x e taxas competitivas. O token já subiu 225.907% nos últimos 6 meses

4. Slerf (SLERF):

Slerf, uma memecoin com tema de preguiça na rede Solana, ganhou popularidade rapidamente, mesmo após o desenvolvedor ter queimado acidentalmente o provedor de liquidez e tokens. Com uma alta de 105% em 8 meses, está listada em exchanges como Gate.io e HTX.

5. RACA (RACA):

RACA é apoiada por DWF Labs, OKX Blockdream Ventures e o acelerador Tachyon da Consensys Mesh. Servindo como provedora de soluções de infraestrutura web 3.0, RACA evoluiu para um robusto ecossistema de jogos web3.0. Com uma alta de 403% em 7 meses, está listada em exchanges como OKX e Bitget.



LEIA MATÉRIA ORIGINAL